Categorias
Estados Unidos Israel Jerusalém Palestina

Jerusalém

Velhas feridas, novas tensões. Mas a escalada de violência em Jerusalém traz proporções que anunciam os confrontos mais sérios entre vizinhos eternamente rivais. Os bastidores do vazio de liderança de um lado e do outro aumentam a imprevisibilidade do desfecho. Entre os palestinianos, surge uma contestação dissociada das decisões centralizadas a partir de Gaza. Aliás, […]

Categorias
Europa França

Sarkozy ou o juízo final da direita francesa

“N’attendez pas le jugement dernier. Il a lieu tous les jours.” Que os poderosos também caem, já tinha profetizado Albert Camus em A Queda, por entre os muitos desabafos dramáticos de um respeitado advogado caído em desgraça – e apostado em julgar toda a humanidade pela injustiça que se abateu na sua própria vida. Na […]

Categorias
Estados Unidos Trump

O espetáculo tem de continuar

Tudo na América é mediatizado até ao ínfimo pormenor. O julgamento de Trump, a que assistimos na última semana, é a derradeira prova de uma lógica apenas existente nos Estados Unidos e com evidente interesse a nível global. É por isso que falar no líder da Casa Branca não é um mero pormenor na história. […]

Categorias
Europa

A hora de Mario Draghi?

“Whatever it takes”. Da forma como os tempos se movem, há frases que assumem um tom profético e viram sentenças. Esta, de Mario Draghi, resumia, ainda em 2012, aquela que seria a solução para a maior prova de fogo de toda uma geração: salvar o euro. E aconteceu. Há por isso momentos na História em […]

Categorias
Geral

A importância de ser Globalista

Quando há um ano sugeri ao João Marinheiro o nome para o podcast tinha bem ciente que não se tratava apenas de um bom nome para ficar no ouvido (até pelo trocadilho com os “Tribalistas”). A discussão sobre Globalistas e Nacionalistas está muito presente no palco internacional, incentivada por nacionalistas e populistas. Trump ao lado […]

Categorias
Estados Unidos

A América inacabada

Se alguém estivesse à procura de vestígios de uma “América quebrada mas não inacabada”, não precisou de ir muito longe com a tomada de posse de Joe Biden. Numa capital em estado de sítio, depois do mais simbólico ataque à democracia americana de que há memória, próprio de uma nação inteira em estado de guerra […]